Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


 
 
Indique para um amigo

Com foco na sustentabilidade, marca jaraguaense apresenta inovações no mercado estadual



Terça, 06 de agosto de 2019 12:58

A moda também pode ser sustentável e é isso o que uma marca jaraguaense vem provando com iniciativas inovadoras que colocam o tema em destaque de diferentes maneiras. Com foco no reuso, na produção local e no handmade, a Cafofo Amei vem fortalecendo um mercado ainda pouco explorado na região e que, cada vez mais, ganha relevância no Estado.

Uma das principais ações da marca é a utilização de matérias-primas descartadas por grandes indústrias do segmento têxtil. Disponíveis em pequenas quantidades, elas são escolhidas a partir de um banco de tecidos que, repassando os materiais a empresas de pequeno porte, fortalece uma cadeia de produção focada em reduzir o desperdício e, consequentemente, os impactos no meio ambiente.

Mas, a Cafofo Amei ainda vai além. Conforme as sócias, Alexandra e Greiciele Schiochet, o objetivo é maximizar os conceitos de sustentabilidade na moda. Por isso, elas perceberam que, paralelamente ao uso de sobras de tecidos, ainda é possível reaproveitar praticamente todos os resíduos resultantes do corte e da costura de peças variadas. Atualmente, os restos são usados para produzir, por exemplo, amarradores de cabelo. Já o descarte das máquinas, em breve, será encaminhado à reciclagem.

Trilhando este mesmo caminho, a Cafofo Amei ainda tem negociado a compra de tecidos reciclados para dar forma aos modelos exclusivos e em poucas quantidades que comercializa. “Nossa ideia é, cada vez mais, colocar em prática a economia circular”, destacam.

Por isso também a marca vem abrindo espaço para a colaboração. Na loja, instalada em uma casa repleta de história familiar, em Jaraguá do Sul, há lugar para produtos de outras empresas, todas com o foco direcionado à produção local e mais sustentável. Por outro lado, a empresa ocupa essa mesma posição (de visitante) em pontos de vendas que funcionam em demais cidades catarinenses, como Blumenau e Piçarras.

Levando toda essa ideia adiante, a Cafofo Amei tem investido em uma nova e criativa iniciativa. A Amei BEE transforma pessoas que se identificam com a marca em “pulverizadoras” Brasil afora. O projeto-piloto acontece em Ribeirão Preto, no Estado de São Paulo, mas já existem parcerias sendo negociadas em outros municípios, incluindo Florianópolis.

Atualmente, a Cafofo Amei é consumida por clientes de diversas partes do país e até do exterior. Depois de Santa Catarina, os Estados que mais consomem a política de vida da empresa são Paraná, Minas Gerais, Distrito Federal, Rio de Janeiro e São Paulo. Para tal, a marca conta com um e-commerce incomum: a venda é realizada pelas proprietárias, que medem cada peça no intuito de garantir a assertividade nas vendas.

 

Sobre a Cafofo Amei

Criada em 2018, a Cafofo Amei faz moda com amor e para todos. Sustentável. Colaborativa. Fora da caixa. A loja fica na Rua Pedro Avelino Fagundes, 44, Bairro Vila Lalau, em Jaraguá do Sul. Para saber mais, basta acessar as redes sociais da marca.

   
 

 

 
 

Irmãs e sócias, Alexandra e Greicieli têm o objetivo de reduzir quase que totalmente os resíduos da produção


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:








Anuncie Aqui
AS MAIS LIDAS

  São Bento do Sul nesta segunda-feira (16) teve a maior temperatura para o inverno recorde de 33,2ºC
Calor Histórico: Termômetros ultrapassam 41 graus e calor bate recorde em SC
 
  Psicodália 2020 em Rio Negrinho está ameaçado por problemas burocráticos e judiciais
 
  Interbrasil participara da Abrafati 2019
Empresa de São Bento do Sul vai estar no maior evento do segmento de tintas da América Latina
 
  ADÍLSON ANTONIO ROHRBACHER
 
  Fotos do 1º Rock Burger realizado domingo em Rio Vermelho
 

Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
48872155 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2019 Jornal Evolução
by SAMUCA