Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
Facebook Jornal Evolução       (47) 99660-9995       Whatsapp Jornal Evolução (47) 99660-9995       E-mail

Inicia nesta terça-feira o 10º Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite

Terça, 09 de novembro de 2021

Clique para ampliar

Evento é promovido pelo Nucleovet e segue até quinta-feira (11). Palestras abordarão cenários de mercado, gado jovem, instalações e ambiência

 

 

Considerado um dos principais eventos do setor no Brasil, o 10º Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite (SBSBL) inicia nesta terça-feira (9), às 13h30. Promovido pelo Núcleo Oeste de Médicos Veterinários e Zootecnistas (Nucleovet), o evento ocorrerá de maneira totalmente on-line até quinta-feira (11), com transmissão a partir da BS Áudio, em Chapecó (SC). Paralelamente ocorrerá a 5ª Brasil Sul Milk Fair virtual.

A abertura oficial contará com pronunciamentos de autoridades e, na sequência, ocorrerá a palestra inaugural, às 14h25. O tema “Cenário macroeconômico e seus impactos no agronegócio” será abordado pelo engenheiro agrônomo e doutor em estratégias empresariais Marcos Fava Neves, um dos brasileiros mais respeitados internacionalmente na área de agronegócio.

Com especialistas brasileiros e internacionais, o Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite será palco do compartilhamento de conhecimento e tecnologias importantes para a produção. “Buscamos trazer assuntos de alta relevância para o momento. A programação deste ano contará com painéis sobre os cenários de mercado, gado jovem, instalações e ambiência para vacas leiteiras”, frisa o presidente da comissão científica, Airton Vanderlinde, ao acrescentar que desde a primeira edição o objetivo é promover o aprimoramento dos médicos veterinários, zootecnistas, consultores, pesquisadores, profissionais da agroindústria, produtores e demais profissionais envolvidos com a cadeia produtiva.

Os temas e conteúdos acompanham a evolução do setor e as novas perspectivas que estão chegando com a pandemia. “O sucesso do evento tem sido baseado em uma abordagem pragmática de assuntos do dia a dia e que possam agregar conhecimento técnico e aplicação prática”, realçou Vanderlinde.

O presidente do Nucleovet, Luiz Carlos Giongo, ressalta que o SBSBL é um evento essencialmente de natureza científica, com grande capacidade para indicar tendências e atualizar sobre o setor de bovinocultura de leite. “Em uma década, transformou-se em um importante fórum de discussão do segmento, reunindo especialistas, ao lado de agentes desse especializado mercado, para o compartilhamento de conhecimento e tecnologias”, sublinha.

A qualidade do evento é citada pelo vice-presidente do Nucleovet, Lucas Piroca. “Estamos evoluindo a cada edição e, neste ano, com o formato on-line. Temos uma estrutura ampla e moderna, com transmissão ao vivo em alta qualidade, tradução simultânea e tecnologia que permite interação e networking. Além disso, as palestras ficam gravadas para acesso posterior ao evento”.

INSCRIÇÕES

A comercialização do terceiro lote dos ingressos segue durante todo o Simpósio, com os valores: R$ 460 para profissionais; R$ 360 para estudantes; R$ 360 para agroindústrias e órgãos públicos; e R$ 350 para universidades. Pacotes – a partir de dez inscrições – têm o benefício de inscrições bonificadas, cujas regras podem ser consultadas no site.

As inscrições podem ser feitas no site https://nucleovet.com.br/.

O 10º Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite tem apoio da Associação Paranaense de Criadores de Bovinos da Raça Holandesa, do Conselho Regional de Medicina Veterinária de SC (CRMV/SC), da Embrapa Gado de Leite, do Icasa, da Prefeitura de Chapecó, do Sindicato dos Produtores Rurais de Chapecó, do Sistema FAESC/SENAR-SC, do Sindirações, da Sociedade Catarinense de Medicina Veterinária (Somevesc) e da Unochapecó.

 

PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA DO 10º SIMPÓSIO BRASIL SUL DE BOVINOCULTURA DE LEITE

 

09/11/2021 (terça-feira)

 

13h30 às 14h20 – Abertura oficial

 

14H20 ÀS 16H50 – PAINEL: CENÁRIOS DE MERCADO

14h25 às 15h15 - Cenário macroeconômico e seus impactos no agronegócio

Palestrante:  Marcos Fava Neves

15h15 às 15h30 -  Intervalo

15h30 às 16h20 -  Tendências e perspectivas para o mercado de lácteos

Palestrante:  Tabajara Marcondes

16h20 às 16h50 -  Discussão

 

16h50 às 17h30 - Novas abordagens no tratamento da mastite clínica

Palestrante: José Pantoja 

17h30 às 17h50 - Discussão

 

10/11/2021 (quarta-feira)

 

13H30 ÀS 17H50 – PAINEL GADO JOVEM: INVESTINDO NO FUTURO DA FAZENDA

13h35 às 14h20 - Epigenética, colostro e leite de transição

Palestrante: James D. Quigley

14h20 às 15h05 - Manejo nutricional de bezerras (dieta líquida e sólida): qual a melhor estratégia   para otimizar o crescimento, produção futura e obter o melhor custo/benefício

Palestrante: Michael Steele

15h05 às 15h35 - Discussão

15h35 às 15h50 - Intervalo

15h50 às 16h35 - Nutrição e manejo pós desmama: como melhorar a performance e a eficiência financeira

Palestrante: João Costa

16h35 às 17h20 - Manejo de instalações e controle eficiente de enfermidades

Palestrante: Viviani Gomes

17h20 às 17h50 - Discussão

 

11/11/2021 (quinta-feira)

 

13H30 ÀS 17H50 – PAINEL: INSTALAÇÕES E AMBIÊNCIA

13h35 às 14h20 - Avaliando a performance de diferentes sistemas de resfriamento

Palestrante: Adriano Seddon

14h20 às 15h05 - Free-Stall x Compost Barn

Palestrante: Flávio Damasceno

15h05 às 15h35 - Discussão

15h35 às 15h50 - Intervalo

15h50 às 16h35 - Como o resfriamento no período seco afeta a saúde e performance futura

Palestrante: Geoffrey Dahl

16h35 às 17h20 - Estratégias de manejo ambiental para reduzir os impactos negativos do estresse calórico

Palestrante: Grazyne Tresoldi

17h20 às 17h50 - Discussão

Foto 01 – 10º SBSBL inicia nesta terça-feira, com transmissão a partir de Chapecó

 

 

10º Simpósio de Bovinocultura de Leite

Pré-evento explana sobre prevenção de febre aftosa em SC

Fórum gratuito ocorrerá nesta terça-feira (9), das 9h às 11h30

 

            Neste ano, Santa Catarina completou 21 anos sem vacinar os rebanhos bovinos contra a febre aftosa e 14 anos como zona livre de febre aftosa sem vacinação reconhecida pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). Esse status é uma vitória de toda a cadeia produtiva da proteína animal: médicos veterinários, produtores rurais, indústrias e governo.

Porém, o cuidado é sempre fundamental e para discutir sua importância ocorre, nesta terça-feira (9), o 4º Fórum Catarinense de Prevenção à Febre Aftosadas 9h às 11h30, pré-evento do 10º Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite (SBSBL). O Simpósio é promovido pelo Núcleo Oeste de Médicos Veterinários e Zootecnistas (Nucleovet) e está programado para esta semana, de terça a quinta-feira (9 a 11), com transmissão a partir de Chapecó (SC). Paralelamente ocorrerá a 5ª Brasil Sul Milk Fair virtual.

O Fórum é realizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), pela Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural de Santa Catarina e pela Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), com apoio do Instituto Catarinense de Sanidade Agropecuária (Icasa).

A participação no Fórum é gratuita.

PROGRAMAÇÃO

            O 4º Fórum Catarinense de Prevenção à Febre Aftosa inicia às 9 horas com pronunciamento, seguido do painel “Vigilância para a febre aftosa”. Às 9h15 haverá palestra sobre “Febre aftosa: o que muda na vigilância com o país sem vacinação”, com o auditor fiscal federal agropecuário da Divisão de Febre Aftosa do MAPA, Diego Viali dos Santos.

            Às 9h45 o coordenador Estadual de Vigilância para Febre Aftosa e Síndrome Vesiculares da Cidasc, Ody Hess Gonçalves, prelecionará sobre “Febre aftosa: o que fazer após 14 anos do reconhecimento de Santa Catarina como zona livre sem vacinação – experiência da Cidasc no extremo oeste”. Das 10h15 às 10h30 terá discussão.

            O Fórum segue às 10h30 com o painel “Ingresso de bovinos e bubalinos em Santa Catarina”. A primeira palestra é sobre “Ingresso de bovinos e bubalinos no Estado de Santa Catarina – legislação e procedimentos”, com o coordenador estadual de Vigilância Sanitária Animal e Trânsito da Cidasc, Marcos Vinícius de Oliveira Neves. Após, haverá um tempo para debate, das 11h às 11h20.

            Às 11h20 inicia o último painel, sobre “Peste Suína Africana”, com a palestra “Nosso papel para evitar a entrada da Peste Suína Africana no Estado e no País”, que contará com palestra da coordenadora estadual de sanidade suídea da Cidasc, Vanessa de Medeiros Bonatelli.

INSCRIÇÕES PARA O 10º SBSBL

A comercialização do segundo lote dos ingressos segue até este sábado (6), com os valores: R$ 390 para profissionais; R$ 280 para estudantes; R$ 330 para agroindústrias e órgãos públicos; e R$ 270 para universidades. Os valores serão reajustados para o terceiro lote (7 a 13 de novembro). Pacotes – a partir de dez inscrições – têm o benefício de inscrições bonificadas, cujas regras podem ser consultadas no site.

As inscrições podem ser feitas no site https://nucleovet.com.br/.

O 10º Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite tem apoio da Associação Paranaense de Criadores de Bovinos da Raça Holandesa, do Conselho Regional de Medicina Veterinária de SC (CRMV/SC), da Embrapa Gado de Leite, do Icasa, da Prefeitura de Chapecó, do Sindicato dos Produtores Rurais de Chapecó, do Sistema FAESC/SENAR-SC, do Sindirações, da Sociedade Catarinense de Medicina Veterinária (Somevesc) e da Unochapecó.



Comente






Conteúdo relacionado



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade


Inicial  |  Parceiros  |  Notícias  |  Colunistas  |  Sobre nós  |  Contato  | 

Contato
Fone: (47) 99660-9995
Celular / Whatsapp: (47) 99660-9995
E-mail: paskibagmail.com



© Copyright 2022 - Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
by SAMUCA