Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
Facebook Jornal Evolução       (47) 3059-1228       Whatsapp Jornal Evolução (47) 99660-9995       E-mail

Ação de Mafra e Polícia Civil busca informar e conscientizar à indústria e o comércio durante a quar

Sexta, 27 de março de 2020

A união de diversos setores da Prefeitura de Mafra, como a Secretaria de Administração, a Procuradoria do Município, a Secretaria de Saúde, por meio da Vigilância Sanitária Municipal, e o PROCON, vinculado à Secretaria de Governo, Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cidadania, juntamente com a Polícia Civil, permitiu a realização, ao longo desta semana, de uma ação com o objetivo de orientar o comércio e a indústria mafrenses a respeito das medidas restritivas impostas pelo governo estadual com o Decreto Estadual nº 525/2020. A orientação também incluiu as notas técnicas emitidas pela Secretaria Estadual de Saúde e a verificação de preços de produtos e serviços.

 

Parceria e união

O prefeito de Mafra, Wellignton Roberto Bielecki, disse na manhã de quarta-feira, 25, data de início da operação, estar feliz com a parceria entre a prefeitura e a polícia civil. “Estamos fazendo um trabalho em equipe para o bem da nossa comunidade, com o foco na orientação, destacando a necessidade de ainda permanecermos em quarentena. E já estamos vendo o desejo, por parte tanto das autoridades federais como estaduais, e também da nossa parte como município, de que as coisas voltem ao normal. No entanto estamos ainda em uma fase de vigia contra este vírus que tanto abalou e continua abalando a nossa sociedade”, enfatizou.

 

O delegado regional de Mafra, Alan Pinheiro de Paula, também disse ser muito importante a integração envolvendo todas as esferas de governo, federal, estadual e municipal, na prevenção e no controle da epidemia da COVID-19. “O objetivo não é a opressão na relação produtor e consumidor. A finalidade é pedagógica para que a gente estreite os laços e tenhamos o menor impacto até a superação desta crise, seja no âmbito da saúde, da economia ou da segurança”, declarou. 

 

Foco na orientação

Daniel José da Costa, diretor do PROCON, disse que o trabalho se baseia na orientação do comércio em geral, farmácia, postos de gasolina etc, inclusive verificando a existência de qualquer problema entre os comerciantes e seus fornecedores, sendo que alguns destes aumentaram o preço no atacado, forçando o aumento também no varejo. “Diante do relato de algum problema assim, de comerciantes com fornecedores, o PROCON de Mafra faz o encaminhamento ao PROCON estadual e ao Ministério Público para que seja verificado o porquê do aumento”, relatou Daniel.

 

Por fim, Alessandro Luis Belém, coordenador da vigilância sanitária, destacou que foi elaborado um cronograma para viabilizar o atendimento de todos os bairros da cidade com o objetivo de orientar para garantir a prevenção contra a COVID-19. “De quarta a sexta-feira foram realizados 48 visitas em estabelecimentos do ramo alimentício, postos de combustíveis, farmácias e empresas. O objetivo são 100 visitas até o dia 31 de março”, completou.



Comente






Conteúdo relacionado



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade


Inicial  |  Parceiros  |  Notícias  |  Colunistas  |  Sobre nós  |  Contato  | 

Contato
Fone: (47) 3059-1228
Celular / Whatsapp: (47) 99660-9995
E-mail: contatojornalevolucao.com.br



© Copyright 2020 - Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
by SAMUCA