Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
Facebook Jornal Evolução       (47) 3059-1228       Whatsapp Jornal Evolução (47) 99660-9995       E-mail

O nosso apostolado consiste em permanecermos em Jesus

Quinta, 14 de maio de 2020

 

“Como meu Pai me amou, assim também eu vos amei. Permanecei no meu amor” (João 15,9).

 

Temos a graça de celebrar o apóstolo São Matias. Sabemos que ele é o intercessor de Judas, no grupo dos apóstolos, da escola apostólica. Matias foi chamado e escolhido para fazer parte do grupo mais próximo e íntimo do Senhor, para realizar o apostolado.

O apostolado não é aquele que primeiro vai, mas é aquele que primeiro vem para o Senhor. Assim como Jesus quis Matias para ser Seu apóstolo, como Judas foi e não correspondeu à graça, precisamos também ser apóstolos de Jesus, mas antes de ir para o mundo, precisamos vir para Jesus, permanecer n’Ele e aprender a ser Seu apóstolo.

Como vamos permanecer em Jesus e sermos apóstolos d’Ele? Colocaremos em prática, porque aquilo que Ele ordenou a Matias está também nos ordenando, está ordenando a todos os Seus apóstolos e seguidores.

A primeira coisa é guardar os Seus mandamentos. Não podemos ser apóstolos do Senhor, se não guardarmos a Sua Palavra, porque é a Palavra d’Ele que iremos ensinar, mas vamos primeiro vivê-la.

O apóstolo de Jesus vive e guarda os mandamentos d’Ele, porque é assim que o Pai, Jesus, a Trindade permanece em nós. O primeiro e essencial mandamento é amar a Deus, mas o ordenamento na vida é esse: “Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros, assim como eu vos amei”. 

Precisamos também ser apóstolos de Jesus, mas antes de ir para o mundo, precisamos permanecer n’Ele

Não dá para sermos apóstolos de Jesus se não nos amarmos. Podemos ser conhecedores da Lei de Deus, podemos ser bons pregadores, podemos instruir a tantos, mas não é isso que nos faz permanecer em Jesus, é quando amamos uns aos outros. E não há outro mandamento ou outra exigência tão importante do que essa: amarmos uns aos outros.

“Ninguém tem amor maior do que aquele que dá sua vida pelos amigos”. Jesus deu a vida pelos Seus amigos e nós, que O seguimos e somos Seus apóstolos, também precisamos aprender a dar a nossa vida uns pelos outros.

“Não fostes vós que me escolhestes, mas fui eu que vos escolhi e vos designei para irdes e para que produzais fruto e o vosso fruto permaneça.” O nosso apostolado precisa ser um apostolado frutífero.

Olhamos para uma árvore: se plantamos uma árvore em nossa casa, esperamos que ela dê frutos. Quando era menino, plantei uma bananeira na minha casa. Que beleza quando vi darem as primeiras bananas! Lembro-me como se fosse hoje, até chorei de emoção. Depois de regar e cuidar daquela bananeira, vê-la dar frutos.

Não podemos esperar outra coisa da nossa vida em Deus a não ser que produzamos frutos. É o fruto do amor, da alegria, da paz, é o fruto de levar a Palavra de Deus aos corações, mas só produziremos frutos verdadeiros se permanecermos em Jesus.

Por isso, o nosso apostolado consiste, acima de tudo, em permanecer no coração de Jesus.

Deus abençoe você!   

Padre Roger Araújo

 

Sacerdote da Comunidade Canção Nova



Comente






Conteúdo relacionado



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade


Inicial  |  Parceiros  |  Notícias  |  Colunistas  |  Sobre nós  |  Contato  | 

Contato
Fone: (47) 3059-1228
Celular / Whatsapp: (47) 99660-9995
E-mail: contatojornalevolucao.com.br



© Copyright 2020 - Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
by SAMUCA