Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


 
 
Indique para um amigo

Cervejarias Artesanais crescem em Santa Catarina



Domingo, 18 de agosto de 2019 00:00

Apesar da incerteza econômica do país, o setor de cervejas artesanais continua crescendo.

Cenário: O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) registrou em junho desse ano a cervejaria de número mil no país. Isso significa que, só em 2019, foram 111 novas fábricas autorizadas em 150 dias – uma média de 22 ao mês. Para se ter uma ideia da expansão do segmento, o ano de 2009 terminou com 255 indústrias ativas. Em 10 anos, o número praticamente quadruplicou.

Quando o assunto é cerveja, o catarinense sempre se destaca! Tanto na produção quanto no consumo, principalmente quando se trata de cervejas especiais. Um estudo realizado pelo Clube do Malte, maior e-commerce de cervejas especiais do Brasil, revela que Santa Catarina está entre os estados que mais compram cervejas especiais no país. Em 2018, a região foi responsável por 4,9% dos pedidos, ocupando a sexta posição no ranking nacional. Os primeiros colocados foram São Paulo (34,7%), Paraná (15,6%), Rio de Janeiro (10,5%), Minas Gerais (9,8%) e Rio Grande do Sul (7,1%).

A pesquisa também mostrou que os catarinenses têm preferência por cervejas fortes, sendo o estilo IPa o mais comprado na região. Em seguida vêm as cervejas estilo Pilsen, Weizen, English Pale Ale e Stout. Marcas importadas e nacionais dividem a preferência do público, que é formado principalmente por homens. Eles são responsáveis por 80% dos pedidos, enquanto as mulheres ficam com 20%.

A ideia da pauta é falar sobre histórias de empreendedores que decidiram investir no setor após descobrirem que é uma área rentável. Minha sugestão de fonte é a cervejaria Sunset Brew, conhece?

Sugestão de fonte: Dois empreendedores e um rinoceronte: foi assim que começou a trajetória da cervejaria Sunset Brew, da cidade de Tijucas, em Santa Catarina. O empreendimento começou a ser idealizado após uma viagem de Eduardo Petry e Sheldon Cole, ao Kruger National Park, na África do Sul, onde conheceram seu “muso” inspirador, o Sunset.

Aquele momento, para a dupla de turistas, foi tão significativo que, ao chegarem ao local de descanso, abriram algumas latas de cervejas artesanais para relaxar. Dois anos depois, em 2015, nascia a marca Sunset Brew, em homenagem a fantástica experiência na África.  

Desde então, o desempenho da cervejaria impressiona. Avaliada em R$25 milhões, a Sunset Brew obteve um salto de faturamento de 173,9% de 2017 para 2018 e, atualmente, vende para 22 estados brasileiros, possuindo em torno de 900 clientes.

 


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:










AS MAIS LIDAS

  Doença Falciforme é o segundo maior problema de saúde pública do mundo, afirma especialista
Apesar de ser bastante comum, há muita desinformação sobre a condição
 
   Ewaldo Fürst
 
  PM de SBS atende ocorrência de Roubo Tentado, Porte de arma branca, Desobediência
 
  Hamilton dos Santos
 
  Tenhamos zelo pela casa do Senhor
 

Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
50547064 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2019 Jornal Evolução
by SAMUCA