Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


 
 
Indique para um amigo

Páscoa mais doce na Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis



Quinta, 18 de abril de 2019 12:55

 

 

“Se não fosse vocês, as crianças não iam ganhar nada”. A declaração da presidente da Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis, Sandra Alves de Lima Carvalho Machado, tocou os estudantes do Colégio Global. Ela foi dada durante a entrega de cestas de Páscoa feita nesta semana na entidade, e que foi arrecadada pelos estudantes da unidade de ensino.

Há mais de 15 anos, o Colégio Global é parceiro da Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de São Bento do Sul. Durante suas ações e gincanas internas, são recolhidos materiais que são destinados à cooperativa. Além disso, em épocas festivas como Páscoa e Natal, entre outras, doações especiais são feitas à entidade, como as cestas doadas para os filhos dos cooperados. “Eu só tenho a agradecer tudo o que vocês tem feito por nós. Até tinha falado que neste ano não íamos poder dar nada pras crianças, mas aí vieram vocês do Colégio e trouxeram essa alegria pra gente”, destacou Sandra.

A entrega foi feita por um grupo de estudantes, acompanhado da diretora Cleyde Rejane Treml. “Tivemos a oportunidade de prestar um pequeno gesto de solidariedade. Pudemos conhecer a realidade daquelas pessoas que prestam um relevante papel em serviço do planeta, que nem sempre é reconhecido”, observou o estudante do 2º Ano do Ensino Médio, Deivid Roger Bertoli.

 

Momento de gratidão

Já Fernanda Lima, do 3º Ano do ensino Médio, definiu a visita à cooperativa como um momento de gratidão. “Em primeiro lugar por perceber que simples gestos fazem tanta diferença para terceiros. Gratidão por poder vivenciar e ver estampado no rosto da presidente da Cooperativa a emoção com um gesto tão simples”, destacou ela. “Perceber que a nossa gincana do estudando, com uma prova auxilia e deixa tantas pessoas felizes com o simples fato de doar materiais recicláveis. Isso nos enriquece como seres humanos. É gratificante de verdade”, reforçou ela.

A estudante Tiffany Marcele Lino, do 1º Ano do Ensino Médio, também ressaltou a importância daquele momento para os estudantes, que puderam conhecer um pouco melhor o trabalho desenvolvido pela Cooperativa, e as dificuldades vividas pelos cooperados. “Fiquei bem surpresa com as condições que eles trabalham. Imaginava que não eram boas, mas não sabia que chegava a tal ponto”, afirmou.

 

 


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:








Anuncie Aqui
AS MAIS LIDAS

  Rodada do Futsal feminino
 
  Oitavas de final do Futebol Society
 
  Seguir Jesus exige renúncia
 
  Dia do imigrante: trabalho e inclusão financeira
 
  Coleta de exames de anemia infecciosa equina e mormo
 

Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
46130917 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2019 Jornal Evolução
by SAMUCA