Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


 
 
Indique para um amigo

O amor de Deus nos torna bons cristãos



Quinta, 14 de março de 2019 08:55

 

Vamos ser bons, porque Deus nos torna bons, independentemente se os outros farão o bem ou não

“Tudo quanto quereis que os outros vos façam, fazei também a eles” (Mateus 7,12).

 

 

 

Deus é um Pai muito bom, Ele escuta os clamores da nossa alma e do nosso coração. Quando batemos à Sua porta, Ele a abre para nós, e quando suplicamos o Seu perdão, a Sua misericórdia nos envolve; quando pedimos a Ele que nos abençoe, Ele nos dá mais do que uma bênção, Ele abençoa toda a nossa vida.

Ele está nos ensinando que precisamos ser como Ele. Se o nosso Pai é bom, precisamos ser bons filhos também. “Tudo quanto quereis que os outros vos façam, fazei também a eles”, essa é a regra de vida, é a regra de ouro, regra fundamental para a vida cristã ser abençoada.

Cobramos muito dos outros, esperamos muito que os outros façam isso e aquilo. Queremos que a cidade melhore, mas não fazemos nada, esperamos sempre que o outro faça.

A nossa atitude cristã precisa ser ativa, precisamos colocar a cabeça no travesseiro e chegar ao final dos nossos dias com a consciência certa. “Eu fiz o que podia fazer para o mundo ser melhor. Eu não fiquei esperando pelos outros. Eu não esperei os outros serem bons para comigo ou eu ser bom para com eles”.

Seremos bons, porque Deus nos torna bons, independentemente se os outros farão o bem ou não, exerceremos o perdão não somente se o outro nos perdoar, mas vamos perdoar, porque Deus já nos perdoou, vamos amar mesmo que o outro nos ame ou não, porque o amor de Deus está em nós.

Seremos para o outro aquilo que Deus é para nós. Não esperemos que o outro seja bom para que também sejamos bons.

Hoje, Deus nos ensina, na Sua Palavra, que a nossa oração precisa ser de confiança e insistência naquilo que é a bondade de Deus. A insistência da persistência não é a insistência de quem desconfia, mas de quem confia.

A oração deve gerar toda a serenidade e tranquilidade na alma e no coração do cristão que sabe quem é o Deus no qual colocou a sua confiança.

Coloquemo-nos inteiros no coração de Deus, porque Ele cuida de nós.

Deus abençoe você!

 

 

 

Padre Roger Araújo


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:








Anuncie Aqui
AS MAIS LIDAS

  Rodada do Futsal feminino
 
  Oitavas de final do Futebol Society
 
  Seguir Jesus exige renúncia
 
  Dia do imigrante: trabalho e inclusão financeira
 
  Coleta de exames de anemia infecciosa equina e mormo
 

Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
46131076 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2019 Jornal Evolução
by SAMUCA