Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


 
 
Indique para um amigo

Dois integrantes de facção são condenados por homicídio e organização criminosa em Laguna



Quinta, 06 de dezembro de 2018 14:08

Em 2018, sete acusados por homicídio com envolvimento em facção criminosa foram julgados e condenados na Comarca de Laguna, recebendo penas que variaram entre 6 a 37 anos de reclusão.

Nesta terça-feira (3/11), dois integrantes de facção criminosa foram julgados e condenados por homicídio triplamente qualificado e organização criminosa na Comarca de Laguna. Com este julgamento, foram sete os faccionados julgados e condenados neste ano pelo Tribunal do Júri em Laguna, com penas aplicadas que variaram de 6 anos a 37 anos de reclusão.

Os dois réus julgados nesta semana foram Luan Lamarca de Lima e Yuri Freitas Delfino, condenados, respectivamente, a 14 anos e 10 anos de reclusão pelo homicídio triplamente qualificado de Daiany Cardoso Maurício, mais 4 anos e 1 mês de reclusão para cada um por integrarem organização criminosa, sendo todas as penas em regime inicial fechado.

A denúncia apresentada pelo Ministério Público sustentou que os dois acusados e mais Romário Pereira da Silva - denunciado pelo mesmo crime em outra ação - foram os responsáveis pelo assassinato da vítima, motivado pela suspeita de que Daiany faria parte da facção criminosa rival.

Para consumar o crime, Luan convocou a vítima para uma reunião na qual deveria explicar à qual facção servia. No entanto, a decisão já estava tomada. No encontro, a vítima foi brutalmente arrastada e morta com vários disparos de arma de fogo.

Conforme sustentado pela 1ª Promotoria de Justiça de Laguna, o Conselho de Sentença considerou os réus culpados por homicídio triplamente qualificado - por ter sido praticado por motivo torpe, com uso de meio cruel e mediante dissimulação - e pelo crime de organização criminosa. A decisão é passível de recurso. (Ação n. 0001832-12.2017.8.24.0040)


Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social do MPSC.


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:








Anuncie Aqui
AS MAIS LIDAS

   IOLANDA HRUSCHKA
 
  GILBERTO LUIZ VASELIK
 
  Interdição de ponte no Rio Molha
 
   JOANIR NOGUEIRA
 
  Curso do MPSC sobre Infrequência Escolar tem mais de 770 inscritos em um mês
O curso a distância "Infrequência escolar e o Programa APOIA do MPSC" é gratuito e está disponível para qualquer pessoa que se interesse sobre o tema.
 

Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
42577487 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2019 Jornal Evolução
by SAMUCA