Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


Acidente     Avisos Paroquiais Igreja Matriz     Charge     Comunicados     Economia     Editais     Educação     Eleições 2016     Emprego     Entrevista     Especial     Esporte     Eventos     Fotos de São Bento do Sul     Fraude     Games e Tecnologia HVG     Geral     Inicial     Investimentos     Justiça     Legislação     LUTO     Negócios     Obituário     Obras     Olimpíada Rio 2016     Opinião     Polícia     Política     Recursos     Reflexões     Registro Civil     Religião     Saúde     Segurança     Social     Solidariedade     Tragédias     Turismo     Últimas notícias
 
 
Indique para um amigo

Prefeitura de Rio Negrinho lança Prefirine para cobrar dívida ativa



Quinta, 18 de maio de 2017 13:59

R$ 43.799.798,00. Esse é o valor atual da dívida ativa da Prefeitura de Rio Negrinho, envolvendo os mais variados tipos de tributo, como ISS, IPTU, Programa de Terras e Habitação Popular, entre outros. Para tentar reaver estes valores, incrementando o caixa da Administração Municipal e permitindo que obras possam ser realizadas, foi lançado o Programa de Recuperação Fiscal de Rio Negrinho (Prefirine), que ocorrerá entre os dias 22 de maio e 31 de julho, com descontos que podem chegar a 90% dos juros e multas e parcelamentos em até 36 vezes.

Para o prefeito Julio Ronconi, o Prefirine é uma oportunidade para que aquelas que pessoas que têm alguma dívida com o município, que a coloquem em dia. “São valores que fazem falta aos cofres públicos. Poderíamos usar estes recursos para dar ações prioritárias em áreas como Saúde, Educação e Desenvolvimento Econômico. Por isso, pedimos a todos aqueles que possuem algum débito, que procurem a Prefeitura e façam o acerto”, ressaltou ele.

O prefeito ainda destaca que o objetivo da ação é facilitar o pagamento, já que atualmente há mais de R$ 40 milhões na dívida ativa. “É bom lembrar que a medida atinge os vários tipos de tributo, inclusive aqueles da Habitação. É uma forma de se quitar uma dívida e ficar em dia com o município, com descontos de juros e multas”, completa Julio.

Os interessados em ingressar no Programa devem procurar o Departamento de Tributação da Prefeitura de Rio Negrinho. Mais informações no 3646-3612.

 

A lei

O projeto que autoriza a Prefeitura a lançar o Prefirine foi aprovado nesta semana na Câmara de Vereadores, e traz o seguinte:

Art. 8º Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a conceder a anistia e/ou remissão sobre os encargos previstos no artigo 8º desta Lei Complementar, observadas as seguintes condições:

I - anistia de 90% (noventa por cento) dos juros e multas de mora, para o contribuinte que requerer o PREFIRINE e optar pelo pagamento em parcela única, em até 10 dias após o requerimento.

II - anistia de 80% (oitenta por cento) dos juros e 90% (noventa por cento) das multas de mora, para o contribuinte que requerer o PREFIRINE e optar pelo pagamento em até 03 (três) parcelas, sendo a primeira em até 10 (dez) dias do requerimento e as demais em 30 (trinta) dias e assim sucessivamente;

III - anistia de 70% (setenta por cento) dos juros e 80% (oitenta por cento) das multas de mora, para o contribuinte que requerer o PREFIRINE e pagar o débito em até 12 (doze) parcelas, sendo a primeira em até 10 (dez) dias do requerimento e as demais em 30 (trinta) dias e assim sucessivamente;

IV - anistia de 60% (sessenta por cento) dos juros e 70% (setenta por cento) das multas de mora, para o contribuinte que requerer o PREFIRINE e pagar o débito em até 24 (vinte e quatro) parcelas, sendo a primeira em ate 10 (dez) dias do requerimento e as demais em 30 (trinta) dias e assim sucessivamente;

V - anistia de 50% (cinquenta por cento) dos juros e 60% (sessenta por cento) das multas de mora, para o contribuinte que requerer o PREFERINE e pagar o débito em até 36 (trinta e seis) parcelas, sendo a primeira em até 10 (dez) dias do requerimento e as demais em 30 (trinta) dias e assim sucessivamente.

 

Art. 9º Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a conceder a anistia do crédito tributário constituído em decorrência do descumprimento de obrigação acessória (multa), exigido por notificação fiscal, até a data de vigência da presente Lei Complementar observada as seguintes condições:

I - anistia de 100% (cem por cento) das multas acessórias, para o contribuinte que requerer o PREFIRINE e optar pelo pagamento em parcela única até data prevista no caput do art. 3º desta Lei;

II - anistia de 50% (cinquenta por cento) das multas acessórias para o contribuinte que requerer o PREFIRINE e optar pelo pagamento em até 06 (seis) parcelas, sendo a primeira na data do requerimento e as demais em 30 (trinta) dias e assim sucessivamente.

Parágrafo Único. Fica autorizado a inclusão no PREFIRINE do contribuinte que tenha efetuado parcelamento de multas acessórias até a data de publicação desta Lei Complementar, inclusive os originários de outros Programas de Recuperação Fiscal, e que pretenda gozar do beneficio de que trata este artigo, devendo o mesmo ser aplicado somente sobre as parcelas pendentes, após o restabelecimento dos valores originais correspondentes, se for o caso.


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:








Anuncie Aqui



Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
27120695 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Últimas notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2017 Jornal Evolução
by SAMUCA