Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


 
 
Indique para um amigo

A fugacidade da vida



Quarta, 09 de março de 2016 11:42

A vida é tudo o que temos. Ao mesmo tempo tão forte e tão frágil. De repente tudo pode se acabar. Já parou para pensar? Sim, de repente tudo pode acabar. Não estou fazendo terrorismo a respeito, trata-se apenas de uma observação para que sua visão sobre o viver mude um pouco, ou muito. Nojo, irritabilidade, brigas, discórdias, rebeldias, pirraças, são luxos que se dão aqueles que vivem na ilusão de que têm tempo.

O tempo que você realmente tem e é só seu, por um instante apenas, é o agora. O resto é passado, algo que você já viveu. O resto é futuro, algo que você deseja, mas não sabe se será seu. Pense em cada ação que você terá agora, pois essas ações estarão eternizadas no seu passado e em algum momento sua cabeça pode se ocupar tanto do arrependimento tê-las praticado que sua vivência atual será impossível. E se você perde o agora, o que você tem? Passado, passado e passado. Preso ao passado, como plantar boas sementes que poderão ser colhidas no futuro?

O que plantamos são promessas. Promessas que um dia se tornarão verdades. Não sabemos se estaremos aqui para colher tais verdades. Mas, se você plantou promessas ruins, de dor, sofrimento e vingança, você só poderá colher verdades amargas no futuro. Se você semeou amor, compreensão, perdão, boa vontade e esperança, a colheita será doce. 

Como está sua relação com o mundo? Como está sua relação com as pessoas que você ama? Você se desentendeu com pessoas especiais e está a espera que a pessoa “venha atrás de você”? Por que esperar? Se é alguém que você ama e vale a pena ter no seu agora, por que esperar para tê-la no seu amanhã? Aliás, desculpe, o amanhã não é seu, ainda. Talvez nunca o seja.

O mesmo vale para sua relação com você mesmo. Como está seu cuidado com você, com seu corpo, seu tempo, suas emoções, seu lazer, seu trabalho? Você está sendo gentil consigo? Ou você está se submetendo a uma situação ou convivência que te faz mal, mas suporta esperando o momento certo? Impulsividade não faz bem a ninguém. Decisões importantes devem ser planejadas. Mas, você não planeja e fica esperando e esperando as coisas mudaram por si só.

Esperar passivamente sem planejar é um desperdício de momentos. E se a vida é feita de momentos, trata-se de um desperdício de vida. Pois, a vida é fugaz, não pertence a ninguém. A vida é uma permissão para existir que não é controlada por nenhum de nós. Ela se encerra sem que sejamos entrevistados a respeito. Mas o momento, o agora, é seu! Viva-o com amor, coloque amor em tudo o que faz e nas suas relações, pois a vida não nos pertence, mas o amor sim.


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:










AS MAIS LIDAS

  São Bento do Sul - Cronograma de matrículas e rematrículas nas escolas municipais
A Secretaria de Educação divulgou nesta quarta-feira (16), o cronograma de rematrículas e matrículas novas da rede municipal de ensino para o ano letivo de 2020.
 
  Dia 19 de outubro Dia D de vacinação
Rotary Club São Bento do Sul – Serra Alta realiza o Dia D, a ação acontece no CEU das Artes e na Praça João Roesler, das 9 às 13 horas
 
  Celesc abre seletiva para projetos das áreas de Cultura & Esporte e de Pesquisa & Desenvolvimento
 
   Maria Azenir Ribeiro
 
  Promob fará demonstração no Tecnhology Days SCM em São Bento do Sul
De 22 a 24 de outubro, das 13 às 18h, serão apresentadas tendências da indústria moveleira relacionadas a máquinas com tecnologia de ponta
 

Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
49782216 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2019 Jornal Evolução
by SAMUCA