Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


 
 
Indique para um amigo
No Mundo da Lua - Sônia Pillon

Sônia Pillon nasceu em Porto Alegre e há duas décadas reside em Jaraguá do Sul. 

Formada em Jornalismo pela PUC-RS e pós-graduação em Produção de Texto pela Univille.

Atuou como repórter, editora, redatora e assessora de imprensa  no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Por mais de 10 anos atuou no jornal A Notícia.  

Sempre se dedicou à literatura e às ações culturais. É autora de “Crônicas de Maria e outras tantas – Um olhar sobre Jaraguá do Sul” e “Encontro com a paz e outros contos budistas”, com participação em antologias de contos, crônicas e poesias.

Publica no Jornal Evolução, no blog soniapillon.blogspot.com e na fanpage "Sônia Pillon Escritora". 

É Presidente de Honra da Seccional Jaraguá do Sul da Academia de Letras do Brasil de Santa Catarina (ALBSC). Integra o Grupo Gestor do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) Mestre Manequinha e o Conselho Municipal dos Direitos do Idoso de Jaraguá do Sul.


Dezembro



Sexta, 07 de dezembro de 2018 10:32

 

Sônia Pillon

 

O último mês do ano é emblemático e carregado de sentimentos contraditórios. Não dá para esquecer que o doze carrega o peso acumulado de onze meses nas costas. Para muitos, o ano que está prestes a chegar ao fim é um pesado fardo a ser carregado. Houve o choro pela perda da Copa do Mundo, a amargura do desemprego que ainda preocupa e a tensão provocada por uma das eleições mais polarizadas e acirradas dos últimos tempos. A violência e a corrupção em grande escala também deixou a todos nós de cabelo em pé.

Sim, 2018 foi difícil! Não há como negar o medo e a insegurança que tomou conta dos brasileiros, em maior ou menor grau. E mesmo para aqueles afortunados que contabilizaram mais motivos para se alegrar, um certo cansaço é inevitável. Trinta e um dias em que o relógio parece correr bem mais rápido do que o habitual.

Festas de encerramento, lista de compras, aquela renovada sempre bem-vinda no espaço onde habitamos... É o período em que queremos resolver, em um único mês, todas as pendências “empurradas com a barriga”.

As efemérides apontam datas relevantes no décimo segundo mês do ano, começando pelo dia 1º, quando transcorre o Dia Internacional da Luta Contra a Aids. Numa época em que grande parte da população deixou de se prevenir contra doenças sexualmente transmissíveis, conforme provam as estatísticas, é importante manter o alerta e lembrar: Aids não tem cura, Aids mata.

Em seguida veio o dia 2, significativo em relação à nossa brasilidade, pois é o Dia Nacional do Samba. E você sabia que a data marca também o Dia da Astronomia e o Dia Pan-Americano da Saúde?

Dia 3 nos leva a refletir quanto à inclusão, pois é o Dia Internacional do Portador de Deficiência e o Dia Internacional do Deficiente Físico.

Pinçando o que considero mais relevante na lista das efemérides, descubro que entre os 31 dias de dezembro estão o 8, Dia da Família e também Dia da Justiça. Tem o 10, que é ao mesmo tempo o Dia da Declaração Universal dos Direitos Humanos e o Dia Universal do Palhaço - enquanto um nos aponta para as responsabilidades e o respeito, o outro nos mostra a importância dos que se dedicam a arrancar gargalhadas e aplacar as agruras da vida.

Pulo as efemérides que homenageiam diversas profissões e encontro o Dia do Vizinho, em 23 de dezembro. A propósito, você cumprimentou o seu vizinho hoje?

Inevitavelmente alcanço o 24 de dezembro, o Dia do Órfão e, evidentemente, véspera do Natal, que antecede o nascimento de Jesus, comemorado por milhões de cristãos em todo o mundo. Ao longo do mês 12, o período pré-natalino é, sem dúvida, o mais festejado dos lojistas, e o mais tentador para os consumistas e endividados...

Dia 31 vem aí e a ordem é esperar a virada para 2019. Preparar a ceia, vestir branco, beber espumante, fazer pedidos, entregar oferendas à beira-mar, promessas de mudanças, de novos projetos... Cada um no seu quadrado e com seus próprios rituais.

E assim nos preparamos. Ano que vem recomeça tudo, apesar de que, para alguns, nada mudará: será mais um ano de velhas promessas não cumpridas, de rotinas entediantes e inalteradas.

 


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:








Anuncie Aqui
AS MAIS LIDAS

  Seguir Jesus exige renúncia
 
  Comunicado transito de São Bento do Sul
 
  Dia do imigrante: trabalho e inclusão financeira
 
  SANTO DO DIA:Solenidade do Nascimento de João Batista
 
  Quartas de final do Campeonato Municipal de Futebol Society
 

Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
46140275 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2019 Jornal Evolução
by SAMUCA