Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


 
 
Indique para um amigo
José Kormann, Dr. (Histórias da História)

Dr. José Kormann (Histórias da História)

Historiador


Miscelânea - 12



Quinta, 10 de dezembro de 2015 13:23

 

É, aí pode vir de tudo

Vem: história = fato sem maior importância; História = ciência; estória = invencionices; lenda = realidade com imaginação; Ciência = tudo provado; Política = teoria e prática administrativa.

 

Água benta para curar animais

Não só animais, pessoas e plantas também. Uma santa e pobre mãe de família numerosa, eram dez filhos. Com nenhum deles precisou de médico. Trabalhava muito. Plantava e criava animais. O marido, apesar de doentio, era muito sovina. O que esta mulher conseguia fazer com fé e fervorosas orações era simplesmente incrível. Usava muita água benta. Apenas um exemplo extraordinário. Certo dia, um de seus filhos, ainda pequeno, cavando com enxada, cortou, sem o querer, a perna de um pintinho. A mãe encostou, bem juntinhas, as duas partes, ajeitou duas talinhas, enfaixou, passou água benta e meses depois tirou o curativo e tudo estava perfeitamente bem. Nem a medicina então ainda fazia reimplantes de órgãos.

 

O fraquíssimo regime democrático

Há três formas boas de governo: democracia, aristocracia e monarquia. Há três formas corruptas de governo: demagogia, oligarquia e tirania. Talvez que a melhor delas fosse a democracia, mas porém chega a ser a mais frágil de todas, pois que seu ponto forte chega a ser o seu terrível e grande ponto fraco: a liberdade. A democracia prega a liberdade, mas seus inimigos usam dessa liberdade para destruí-la, fragiliza-la e dela aproveitar-se para seus interesses espúrios, transformando-a em oligarquia ou, se quiser dizer, em plutocracia. Se a democracia verdadeira é ótima, sua corrupção é péssima: pior do que as outras formas corruptas de governo. Assim já volta, no Brasil, a saudade da ditadura civil ou militar.

 

A sociedade pós-cristã

Existem sociólogos atuais que falam dizendo que o mundo atual já vive na era pós-cristã. Há tantos, e bem poderosos, que tanto lutaram para que isso acontecesse e assim vibram de alegria, cantando vitória. Há quem se lamente conjeturando que tudo está perdido e já não há mais o que fazer e desolados dizem: mas como, se Cristo, falando de sua igreja, afirmou que “As portas do inferno não prevalecerão contra ela”? E ainda existem aqueles que atacam estes sociólogos chamando-os de preconceituosos e incapazes de analisar a sociedade na qual vivem. Mas quem olha o mundo atual voltado ao ter, ao prazer sensual, ao consumismo que relega até descobertas científicas só para mais lucrar, a que conclusão vai chegar!? A esta.

 

O câncer morre com seu habitáculo

O câncer, para não morrer, precisa crescer. Para morrer, é só parar de crescer. O que, aliás, é uma regra geral para todos os seres relativos. Assim é o destino de todo câncer: ele se obriga a crescer, mas quanto mais ele cresce, mais ele vai matando o organismo que o abriga e quando este organismo morre, o câncer morre com ele. É o destino de tudo aquilo que não é bom. Quem matou o Império Romano? Ninguém. Ele parou de crescer e assim morreu de podre. E aquilo que tanto ele perseguiu ali se implantou e dominou o mundo: o cristianismo. O câncer que ataca nossa sociedade, atualmente mundial, na qual vive, vai morrer com ela e das virtudes que ela combate, vai nascer a melhor era da História. Sê você um pioneiro dela.

 

A juventude quer heroísmo

Nunca tanto de prazer o mundo ofereceu a seus jovens como nos dias atuais. Mas quanta juventude, nesses dias de agora, abandona tudo para seguir religiões extremistas e até mesmo se tornarem terroristas suicidas ou até buscarem prazeres que, de certa forma, para eles representam atos de heroísmo, como numa festa embebedar-se de álcool para ver quem, dentre eles, vai morrer primeiro; ou orgias sexuais em grupo e entre eles deve haver pessoas aidéticas para ver quem tem a coragem de se contaminar; ou ainda - como em algumas cidades europeias aconteceu – de motocicleta em alta velocidade bater em potes para ver quem vai morrer ou não, etc., etc. Dê-lhes verdadeiro heroísmo e serão bem mais felizes.


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:








Anuncie Aqui
AS MAIS LIDAS

  Hamilton dos Santos
 
  São Bento do Sul - Panettone solidário, ação do Rotary Cidade dos Móveis tem destino
O Rotary Club de São Bento do Sul - Cidade dos Móveis, filiado ao Distrito 4652, lança o projeto Panettone Solidário
 
  PM de SBS atende ocorrência de Roubo Tentado, Porte de arma branca, Desobediência
 
   Felipe de Lima
 
  Redução do ICMS sobre combustível dos aviões em SP viabiliza mais 46 voos para Santa Catarina
 

Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
50612128 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2019 Jornal Evolução
by SAMUCA